03/04/08

Novo método de ensinar Português a estrangeiros

Desde que conheço o Thomie que tento que ele ganhe interesse pela língua portuguesa. Porque acho que seria uma mais-valia (um argumento politicamente correcto), porque acho que é uma língua bonita, que permite entender um pouco de vários outros idiomas (espanhol, italiano...).. Até lhe digo que assim podia falar com a Shakira, com o Cristiano Ronaldo... Pronto, agora as minhas razões verdadeiras! Gostava de poder falar com ele às vezes na minha língua materna... Gostava que tivéssemos uma linguagem quase secreta, através da qual lhe poderia dizer “vamos embora” quando estivesse a apanhar uma seca, sem que à nossa volta entendessem o meu tédio, disfarçado por um sorriso, gostava de saber que ele poderia falar com a minha mãe caso me aconteça alguma coisa...A minha família gosta muito dele, dizem que o acham super bem disposto (que é) e bem humorado (também), só têm pena de não poder falar directamente com ele, sem ter de recorrer a mim...
Já combinámos que ele iria fazer um curso comigo não sei quantas vezes... mas depois ou sou eu que dou aulas até às tantas, ou é ele que está cansado... Ele já diz algumas coisinhas, entre elas “obrigado”, “é bom”, “duas cervejas, por favor”, “amo-te muito tanto grande”, “benfica glorioso”, “Santo Estádio da Luz”, “minha linda bonita deusa”... Quando vamos a Portugal, ele já entende bastantes coisas, mas não tem coragem para falar... então, no início do mês de Março, elaborei uma proposta de curso completa, com plano de aulas, horários e matéria a dar e já começámos! Ele diz que é uma língua um bocado difícil, até porque ele sempre foi uma pessoa de números e não de línguas... Além disso, os sons nasais são um stress para ele... o pão dele é pau, o não é nau... (ontem disse que o português é uma “doença nasal”) hihi
Bem, as aulas correm bem, embora eu note que ele fica ansioso com os verbos e assim... o pesadelo dele (e de muitos alunos de português) são os verbos ser e estar, uma vez que em alemão existe apenas um verbo que engloba estes dois...
Ontem, no banho, lembrei-o que hoje é dia de curso e perguntei-lhe pelo verbo ter. E, para meu espanto, começa a debitar eu tenho, tu tens, ele tem... entre a espuma para a barba!!
Depois pedi-lhe que formasse pequenas frases, como “eu estou em casa”, “Eu sou casado”, “eu tenho um cão” (o cão ainda soa a cau) e ele disse bem! Foram ali uns dez minutos de português intensivo em que tive mesmo a impressão que lhe deu gozo!!
Acho que descobri o método mais eficaz de ele aprender português! Acho até que vou plastificar umas cópias do livro para levar para o banho hehe

6 comentários:

Carina M disse...

Vês que bela ideia. Se ele acha o português é dificil, e sim admito que seja complicado, pois até nós damos pontapés na gramatica que nos fartamos, digo que o alemão tb tem que se lhe diga, fónix, essa de dizer 21, 22, etc ao contrario troca-me as voltas todas. Ele que não desista.

Pediste-me ajuda para a dieta, mas minha rica menina só tu a podes fazer, eu não sou bom exemplo senão não tava metida nisto. Força.
Bjs

Hydrargirum disse...

Olha que giro...gostei imenso de ler este post:)

Tenho casais amigos de várias nacionalidades entre eles...Portuguea com Belga, Portuguesa com Grego, Portuguesa com Inglês...

E apesar de se entenderam mais ou menos...nada nunca expressará..e nos expressará como a nossa língua materna....onde às vezes, basta meia palavra ou um olhar para se dizer tanto....:)

Boa sorte:)

Jinhos:)

Celeste disse...

Boa sorte!

Livros plastificados para o banho? Hum... mim parece-me muito bem! :)

Beiji**

Paula disse...

Adorei o teu post!!
Eu acho que com uma professora destas, o Thomie não vai demorar muito a aprender o português!
Tu, com o teu jeitinho, de volta dele, como quem não quer nada... huuummm... o Thomie, quando der por ele, já fala melhor português do que muitos portugueses!!.

Jinhos grandes,
Paula

Anónimo disse...

Bom Dia. Eu sou português, e a minha namorada é russa. Ela está interessada em aprender português comigo. Será que me podiam dar umas indicações de por onde começar?

Obrigado

P.S. Responder para drelopes@yahoo.com

Livíssima disse...

oi Suzy! Eu gostaria de pegar umas dicas com voce. Meu namorado é ingles e gostaria de aprender portugues tambem.